11/03/09

Cuidados ao manipular produtos perolados( shampoos, sabonetes, etc.)

Como manipular produtos perolados( shampoos, sabonetes, etc.)
Agentes perolizantes e opacificantes, também conhecidos como bases perolizantes são muito utilizados na fabricação de produtos de uso cosmético, sendo os principais produtos, os shampoos e sabonetes liquidos perolizados. A adição de bases perolizantes deixam os produtos com aspecto branco leitoso e dependendo do agente perolizante, um grande brilho perolado. Os perolizantes podem ser na forma liquida ou sólida. Na forma liquida são mais fáceis de utilizar, visto que não será necessário aquecer o sistema para a produção dos produtos.




Viscosímetro tipo Copo Ford





Formulações que contém tensoativos doadores de brilho perolado necessitam de alguns cuidados durante a preparação, pois se a viscosidade não estiver adequada, as partículas do tensoativo podem se depositar no fundo do frasco.
Existem 4 fatores que influenciam a estabilidade de um shampoo ou outras formulações com tensoativos doadores de brilho perolado.
1) Diferença de densidade entre as partículas do agente perolizante e a água.
2) Tamanho de partículas do agente perolizante.
3) A viscosidade final da formulação com agentes perolizantes.
4) A intensidade da agitação na hora de preparar o produto, como alguns tensoativos doadores de brilho perolado(bases perolizantes) possuem alta viscosidade, se o produto ao ser manipulado não for bem agitado, pode ocorrer do agente perolizante não se homogeneizar adequadamente no produto, ficando com grumos.
O uso de tensoativos doadores de brilho perolado nas formulações pode envolver vários objetivos, como: diferenciar o produto; mascarar a adição de princípios ativos dispersos no produto; melhorar o aspecto de shampoo condicionador com princípios ativos pseudo-catiônicos que geralmente podem deixa-lo turvado; perolizar ou opacificar um produto popular, agregando uma ideia de valor e sofisticação ao mesmo.
Para que um produto com agentes perolizantes possa manter sua estabilidade, é recomendado uma viscosidade mínima de 2.000 cps a 20°C. No entanto, pode se obter resultados mais satisfatórios entre 3.000 e 4.000 cps a 20°C.
O acerto da viscosidade pode ser feito com cloreto de sódio diluído em água, em preparações pequenas para uso próprio, pode se fazer o acerto da viscosidade adicionando o cloreto de sódio aos poucos , observando a viscosidade, deixando o produto bem espesso(grosso).
Para quem vai produzir em escala comercial o correto é a aquisição de um viscosímetro, aparelho que mede a viscosidade de produtos líquidos.

Para comprar matéria-prima, essências e corantes para cosméticos e produtos de limpeza, visite o site abaixo:
Jacy Fragrâncias - A casa do saboeiro


Como manipular shampoos e sabonetes perolados (com brilho perolado)

Um comentário:

  1. Anônimo19/9/10

    Olá, por favor vc pode me ajudar? Fiz sabonete líquido com base 1x4 perolada, mas p ficar mais com maior viscosidade, fiz a diluição 1x3. Adicionei o corante e a essencia. Na hora ficou muito bom, ficou bem espesso, mas após alguns dias começou a ficar ralo. Eu não coloquei o Anfotero (ou cloreto de sódio), será q é por isso? Tenho q colocar? Obrigada Karina

    ResponderExcluir

Deixe o seu comentário!
Pessoal, os comentários serão respondidos de acordo com o meu tempo disponível. Pode ser que demore um pouco para deixar uma resposta.
Evite spam na sua caixa de mensagens, procure não colocar e-mail nos comentários.
Se este blog te foi útil, divulgue nas redes sociais!

Produtos Químicos, Essências, Bases para Perfumes